Rue Catinat

7.3.05

 

e sobre o pensamento árabe

É que a história árabe não preocupa com o colmatar das lacunas nem com a resolução das inevitáveis contradições entre as fontes. Justapõe os episódios sem ligação, numa ordem cronológica rigorosa...Esta estrutura não resulta unicamente duma preguiça do compilador; releva de uma atitude filosófica largamente expandida entre os intelectuais muçulmanos, o atomismo ocasionalista que casava o pensamento de Epicuro com a concepção muçulmana de Deus, Vontade pura e arbitrária. “Segundo este sistema o mundo, constituído por um conjunto de átomos isolados, não dura nem subsiste senão pela vontade de Deus, único agente; não existem causas segundas, encadeamento causal, nem lei natural, mas unicamente hábitos"(D. Sourdel, L’Islam).

[Charles-Olivier Carbonell, Historiografia, 59]

Comments:
Enjoyed a lot!
» » »
 
Excellent, love it! »
 
Enviar um comentário



<< Home

Archives

Março 2005   Abril 2005  

This page is powered by Blogger. Isn't yours?